[Novidades] Brasileira cria música com inspiração em Academia de Vampiros #VA

Novidades

Olá! Como vão?

Todos sabem que Academia de Vampiros (VA) é minha série favorita? Não? Pois tratem de se atualizar, meus amores! AMO essa série, já li várias vezes, chorei horrores todas as vezes que li e a todo instante me pego pensando que devo reler todos os livros. Mas para quê estou falando tudo isso? Bem, uma brasileira maravilhosa resolveu fazer uma música inspirada em VA.

Sim, você leu certo! E o nome da música é Juliet. E o nome passa a fazer todo o sentido com essa frase “Juliet had it easy, she never had to kill Romeo”. Que em tradução seria basicamente “Para Julieta foi fácil, ela nunca teve que matar Romeu.”

E pode ser que eu seja dramática, mas achei a música perfeita e ela me fez lembrar todos os livros, principalmente as partes tristes, ou seja, eu chorei. Sim, me julguem. Mas chega de enrolação, escutem a música:

They told you you’d lose your soul
They told you you’d lose your heart
I’m so sorry, my love
Don’t want us to be apart

You’re my secret
You’re my lie
You’re my love
We’ll survive
You helped me
keep her alive

You helped me keep her alive
I’ll help you find your soul tonight

I’ll help you

Pretend you’re home
to hold me close
I’m so sorry
I just love you both

You’re my secret
you’re my lie
You’re the sad bird
I’ll survive
I don’t care tonight
You’re my soul
You’re my hope
I’ll try to fight tonight

Help me

I have to kill my love
and abandon my shield
I have to chase you down
I have to have some will

With my powers, I believe
that I’ll save you from your nightmare
I’ll do what you told me
I’ll set you free

Believe me when I say
I’m your lie, I’m your lie
I’m your lie, I’m your lie
Kiss me one more time

Juliet had it easy,
she never had to kill Romeo
She had it easy
She never had to kill you.

 – Tris Black

Se você achou ela linda como eu achei, pode baixá-la aqui:

http://www.4shared.com/music/vwZ0x0L_ce/Juliet.html

Então, o que acharam?

Beijos!

Laury.

A Última Nota – Felipe Colbert & Lu Piras

A ultima nota

 

Alicia Mastropoulos é grega. E para sua família isso é tudo o que importa e deve importar, ela deve seguir a tradição e ser uma ótima mulher grega casada com o seu namorado grego Theo. Mas não é bem assim que ela pensa, Alicia é a spalla (primeiro-violino) da orquestra da sua universidade e seu maior sonho é a música, assim como de seu avô. E em uma homenagem a pessoa que lhe deu seu maior sonho, ela toca uma das músicas dele.

E se a música fosse capaz de mudar toda a sua vida?

O mundo de Alicia começa a virar de cabeça para baixo quando surge em um hospital um homem que não sabe quem é. Tudo o que sabe é um nome: Alicia. O que esse homem misterioso poderia mudar em sua vida?

Talvez nada me encante tanto quanto a arte. Eu acredito que é nela que repousa o melhor do ser humano. Toda a sua vida, toda a sua alma e todo o seu amor. E que ela é capaz de tudo.

A Última Nota fala sobre acreditar nos sonhos, sobre amadurecer, perdoar e viver. Mostra que às vezes o destino simplesmente nos oferece a felicidade e cabe a nós aceitá-la ou não. E quando temos que ponderar tudo, o que é mais importante: as tradições ou o coração?

Adorei a personagem principal, mas em certos momentos Alicia me deu raiva. Ainda que seja difícil escolher qual caminho seguir, muitas vezes ela escolhia errado de mais. Theo foi o exemplo da pessoa para não se ter do lado, enquanto Sebastian era exatamente quem se deseja.

Os personagens responsáveis por boa parte da trama foram os pais da Alicia e sua fascinação por tradições. Entendi o ponto deles, mas não é bem um ponto com o qual concorde. Mas minha personagem favorita foi Cecília, a avó de Alicia. Simplesmente meiga, fofa e acolhedora. Tudo que se quer de uma avó e de toda a sua família, a apoiando sempre e pensando no seu bem.

A Última Nota é a maestria estrutural de Felipe Colbert com toda a doçura da Lu Piras. Uma combinação simplesmente perfeita e impecável de dois dons. Da mesma forma que Sebastian e Alicia juntos conseguem emocionar com a música, eles fazem isso com palavras. E eles me fizeram chorar. Muito!

O livro é o amor na arte, em cada som, em cada página, em cada palavra, em cada nota. E a última nota é literalmente a nossa ultima lágrima, aquela que nos faz amar, que nos faz sentir. A Última Nota é aquele livro que nos faz acreditar que tudo é possível. Porque a arte é apenas mais uma extensão da magia.

Selinho o/

selinho awn de qualidade1

Já leram? O que acharam?

Beijos!

Laury.