[Resenha] Dez Coisas que aprendi sobre o amor – Sarah Butler

Resenha 2

Olá pessoal!

Como vocês estão? Ano novo, resenha nova!

Hoje vou escrever sobre o livro Dez coisas que aprendi sobre o amor da escritora Sarah Butler, que recebi de cortesia da Editora Novo Conceito.

cnsnosnd

A história é sobre a vida de duas pessoas: Daniel e Aline.

Aline é a filha caçula, que tem 30 anos e estava na Mongólia e voltou para Londres por causa da doença de seu pai.

Daniel é um morador de rua de Londres, que por causa de tristezas e sofrimentos anda vagando com suas lembranças doloridas.

pjnbcd

Cada capitulo começa com uma lista de dez coisas.

Cada capitulo é narrado em primeira pessoa, ou por Daniel, ou por Aline. A escrita da autora é poética e percebemos bem isso quando Daniel lembra do seu passado, os seus pensamentos e sentimentos.

Daniel é um homem sofrido que cometeu erros e que se perdeu nesse mundo. Gosto do personagem do Daniel, porque sei que a historia dele é a historia de muitos moradores de ruas, que por causa de um sofrimento, decidiu se afastar de tudo e de todos e seguir sozinho na vida. É uma historia triste e sofrida.

A personagem da Aline tem seus medos, suas inseguranças que a dominam e que ela não sabe lidar, o que faz com que ela acabe fugindo. Quando criança, ela perdeu a mãe e se sentiu culpada pela morte dela; já nos seus 30 anos, podemos ver o relacionamento que ela tem com o pai, as irmãs e Kal (um ex-namorado).

A historia dos dois personagens se encontram. Um mistério envolvendo Daniel se conecta a Aline e acredito que quando Aline encontra Daniel, ela parece se entender consigo mesma, e Daniel se torna o homem que sempre quis ser. Ah, gostaria de informar que Daniel é bem mais velho que Aline, e não existe um romance entre os dois personagens, é apenas uma pequena amizade que surge.

O final da historia fica para a imaginação do leitor. Não é um final definitivo (para ser sincera, eu não gostei muito), mas é como é a vida: nem sempre o final que desejamos vai acontecer. Então, é um final que eu entendo, mas que não gosto.

E para você que pensa que esse livro é um romance por causa do titulo, não se engane, é um drama que tem a realidade da vida. É uma historia que nos faz pensar sofre a vida e as atitudes que tomamos, que uma atitude nossa sempre pode afetar outra vida.

Se você gosta de livros que fazem você pensar um pouco sobre tudo, com um drama leve, recomendo este livro.

E você já leu este livro? Gostou? Deixe seu comentário.

Até a próxima. Beijos!

Ceci

[Book Tour-Resenha] Sem te conhecer – Lya Gallavote

20151204_121006Olá pessoas lindas, como vocês estão?

Hoje venho falar da minha participação no Book Tour do livro Sem te conhecer.  Antes de começar falar do livro preciso dizer o meu encanto pela  cartinha que veio junto com o livro e os marcadores.

20151204_121059

Achei muito fofo da autora, e um carinho muito lindo para nós leitores participantes do book tour.

O livro Sem te conhecer, é um romance que conta a historia de Aline, uma moça já formada em Administração de Empresas e que trabalha em uma empresa como assistente em administração e tem que aturar seu chefe chato Arnaldo, Aline está passando uma situação bem atormentante na sua vida, sua irmã Paula e o noivo dela pediram dinheiro emprestado para ela, e Aline emprestou o dinheiro e Paula não devolveu o dinheiro fazendo Aline ficar endividada. Fora isso o namorado de Aline resolveu terminar com ela e ir viajar com outra mulher.

Aline é uma pessoa que  tem um coração lindo, é uma boa pessoa que não deseja mal a ninguém, mas ela não sabe dizer “não”, essa frustração e tristeza domina ela, essas situações todas que faz o mundo dela virar de cabeça para baixo.

E quando Aline acreditava que tudo estava perdido sua vida muda completamente, e ela vai ter que se adaptar uma nova situação de vida e saber dizer não para os outros e sim para ela.

Os Personagens:

É complicado falar dos personagens porque se eu contar mais afundo sobre eles, o mistério que envolve acaba.

Mas só um pouquinho…

Aline: Protagonista da historia, coração de ouro, maravilhosa, mas é uma pessoa que não sabe dizer não.

Paula: Irmã de Aline, que sempre tem tudo nas mãos, e que recebe sempre um sim de Aline.

Mendigo: Fé. (quem ler depois vai entender)

Arnaldo: Chefe de Aline, um homem chato, mesquinho e nojento.

Adriano: Um idiota.

Karina: Amiga fiel para todos os “tempos” que está ali para ajudar e ser amiga do peito de Aline.

Luan: Irmão de Karina, estudava fora do Brasil e agora esta voltado para o Brasil, um homem dos sonhos.

É um romance que eu chorei no final, é o romance que aquece seu coração, e  super legal, não sei vocês quando isso acontece mas as vezes parece até DESTINO que eu acredito que é um dos temas principais do livro, junto com que também esta nesse livro, então foi no momento certo que eu li esse livro na minha vida.

As vezes na vida a gente só vê o preto e o branco de uma situação, não acreditamos em nós mesmos, temos inseguranças que é o ruim, Aline tinha medo junto com insegurança tomar algumas atitudes, de não querer machucar os outros  mas que machuca a si mesmo depois.

Eu recomendo essa leitura, é um livro muito gostoso de ler de tarde.

E você o que achou?

Deixe seu comentário?

Beijos até a próxima.

Ceci

[Book Tour – Resenha] Cores de Outono – Keila Gon

Resenha 2

Olá, pessoas lindas! Hoje venho falar do livro Cores de Outono da autora Keila Gon. É um livro que eu li participando do Book Tour realizado pela Ana Paula Carvalho do blog Livros de Elite.

20151021_145620

A historia se inicia contando sobre Melissa e sua nova vida com sua irmã Alice. Depois de um trágico acidente, elas perderam os pais, Melissa ficou responsável pela sua irmã e estão indo morar com seu avô George na sua antiga cidade natal.

Melissa não tem lembranças muito boas de sua cidade natal por causa dos acontecimentos passados que envolveram ela e sua mãe, e tem receio das pessoas e de como elas especulam muito sobre a vida alheia. Melissa ela é uma jovem que tem um senso de responsabilidade muito grande e sente sempre no dever de cuidar da sua irmã. Ela é uma pessoa atrapalhada, onde sempre pode ocorrer um acidente com ela, e desde pequena foi sempre assim, se envolvendo em acidentes.

Nessa nova jornada da sua vida, Melissa sente muita saudades de sua mãe, uma pessoa que na vida dela sempre foi muito importante, por ser também sua melhor amiga. Ela está se adaptando a sua nova vida, onde seu avô se transforma em uma figura paterna, tentando cuidar dela e algumas vezes se intrometendo em sua vida amorosa. Lembranças do passado, mistérios, vizinhos novos e antigos estão presente na vida de Melissa.

Arthur, um vizinho que roubou o primeiro beijo de Melissa, está ali junto com sua família, cuidando não só de George, mas dando uma atenção amorosa para ela também, que tenta sempre se desviar. Os novos vizinhos na casa da frente trazem o passado e mistérios. Os Von Berg estão ali com sua beleza e seus mistérios, principalmente Vincent, o mistério ronda sobre ele e a cidade fala muito sobre sua vida e de sua família. Sua personalidade nada agradável para todos traz a antipatia de alguns. Vincent acaba entrando na vida de Melissa, a principio tentando sempre ajudá-la, mas ela não fica muito feliz com ele por causa de sua personalidade. No entanto, futuramente, há uma amizade cheia de mistérios.

collage0

P.S: Adorei receber um marcador lindo desses, ainda mais autografado *.*

Mistérios:

No decorrer da leitura, muitos mistérios envolvendo o bosque, a família Von Berg e a vida de Melissa. A gente já percebe que tem alguma coisa de estranho com os Von Berg. Muito lindos, educados, misteriosos e curiosos sobre Melissa. Entre todos da família, o Alex foi o personagem que eu mais gostei. Gostei dele desde a primeira aparição. Fiquem de olho nesse personagem!

20151021_151232

Amores:

Melissa é atrapalhada, mas tem uma coisa, que eu não sei o que é, que faz com que no livro tenha três homens atrás dela. Ela não quer relacionamentos,  está preocupada em como cuidar da irmã e em como vai fazer isso. Ela não pensa muito em relacionamento, mas seu coração balança quando está perto de Vincent. No entanto, o começo de sua relação com ele é bem cão e gato.

20151021_151550

Acidentes:

Essa menina deve ser prima da Bella do Crepúsculo. Nossa! A pessoa para chamar o acidente até ela… Mas prestem atenção que acontece um acidente que deixa perguntas no ar, e você vai pensar que alguém salvou alguém, MAS preste atenção!

Família:

Melissa só conhece a mãe. O pai dela é desconhecido, só sua mãe sabia quem ele era. Então, como ela morreu, ficou esse mistério no ar. E só para esclarecer, a mãe da Melissa se casou com outro homem e assim nasceu sua irmãzinha Alice (também temos que prestar atenção nessa menina).

Crepúsculo:

Sim, você vai ler e vai se lembrar de Crepúsculo. Vai ter momentos que você vai pensar “Isso é bem Edward!” e outros que você vai pensar “Isso é bem Bella!”, mas leia até o final, porque só aparenta. Tem muita coisa por aí, tem muito mistério para acontecer, então quando começar a ler, fique de olho, nem tudo é o que parece. Ou talvez seja. (será?).

Minha opinião:

É um livro que eu gostei de ler. Teve momentos que vi semelhanças com Crepúsculo e quis bater muitas vezes no Vincent porque ele é um pouco insuportável (calma meninas não me batem). Foi uma leitura gostosa em uma final de tarde. É uma boa, com mistérios e fantasias. Gostei da escrita, é muito legal quando o autor modifica um pouco o modo de escrita que a gente está acostumado. A diagramação do livro é linda! A capa, os detalhes… Tudo lindo! Eu recomendo está leitura de romance, fantasia e mistérios que eu acredito que você vai gostar muito.

Veja o book Trailer de Cores de Outono e leia o primeiro capítulo.

E você já leu? Gostou? Comente e me fale.

Beijos até a próxima

Ceci

[Resenha] Soldier: Leal até o fim – Sam Angus

Resenha 2

Bom, essa resenha vai ser um pouco diferente. Vou falar sim do livro Soldier – Leal até o fim, da editora Novo Conceito, mas vou falar sobre os cães e sua atuação na guerra.

20151007_145449

A historia começa falando sobre Stanley, um garoto de quatorze anos que está passando por momentos difíceis na Primeira Guerra Mundial.  Stanley é o caçula, seu irmão Tom está na guerra e seu pai é um treinador e adestrador de cachorros de raça pura.

Soldier é um filhote da cachorra premiada de Da, o pai de Stanley, que é um homem muito rígido. Acredito que a guerra aumentou isso nele. Ter um filho seu na guerra e ter a sensação de que a qualquer minuto ele pode falecer… Deve ser perturbado! Ainda mais para o patriarca da família. Pois bem, Stanley está passando por toda essa situação, vendo não só sua família, mas todos a sua volta sendo afetados com a guerra, pais, irmãos, amigos, professores e animais doados para ajudar na guerra como cães e cavalos. Por um motivo que afeta emocionalmente Stanley, ele vai para guerra, e começa a ser treinado como soldado para depois se tornar um adestrador de cães na guerra.

E eu vou parar por aqui, porque eu quero que vocês leiam e se emocionem como eu (e chorem). Mas além disso, é uma história (real!), é um livro que você sabe que aconteceu e que dá um aperto no coração.

* Diagramação do livro:

Eu achei muito lindo a diagramação do livro.

collage

* Notas da autora:

No final do livro tem notas da autora falando sobre a batalha de Villers-Bretonneux e o serviço britânico de cães mensageiros contando sobre a participação do coronel Edwin Hautenville Richardson.

* Cães mensageiros: 

slide_360562_4035980_free

Antes do advento das telecomunicações, os cães eram muito usados como mensageiros. Receber com antecedência as últimas notícias dos destacamentos ou se comunicar com outros pontos fixos na linha de frente é, de fato, absolutamente essencial para realizar ou alterar os planos de ataque e de defesa em uma guerra.

Stubby (1916 – 4 de abril de 1926) foi o cão de guerra mais condecorado da Primeira Guerra Mundial e o único cão a ser promovido a sargento através do combate. O primeiro cão de guerra dos Estados Unidos, Stubby serviu por 18 meses e participou de 17 batalhas na Frente Ocidental. Ele salvou seu regimento de ataques surpresa com gás mostarda, encontrou e confortou os feridos, e até mesmo uma vez pegou um espião alemão pelas calças, o segurando lá até que os soldados americanos os encontraram. De volta para casa suas façanhas foram notícia de primeira página de todos os grandes jornais.

Sargento_Stubby_02

Treo, um cachorro da raça labrador, recebeu a mais alta condecoração concedida a animais no Reino Unido por sua atuação na guerra do Afeganistão. Agora aposentado, serviu como farejador no Exército britânico no Afeganistão, onde por duas vezes encontrou bombas escondidas na província de Helmand.

“Todo mundo diz que ele é somente um cão que faz serviço militar. Sim, ele é, mas ele também é um grande amigo meu. Nós cuidamos um do outro”, disse o militar.

TRDV665614-g

O livro Soldier é um grande aprendizado contando um linda historia real, emocionante, cativante, que eu, com certeza, indico para vocês. A editora Novo Conceito fez um lindo trabalho ao publicar e editar esse livro lindo.

E vocês já leram?

Comente, e me diga sua opinião.

Beijos

Ceci

[Resenha] Intenso Demais – S.C Stephens

Resenha 2

Olá, pessoal! Hoje eu venho falar sobre o livro Intenso Demais.

E vi algumas polêmicas sobre esse livro (ultimamente parece que só estou lendo livro POLÊMICO), por causa da protagonista e as atitudes dela. Vou explicar um pouco antes de falar precisamente sobre o livro, porque pode ser esse motivo que fez você ainda não ler.

O que fazer quando você

Se apaixona pelo cara perfeito.

Mas já está amando o cara certo?

A personagem passa por uma situação muito complicada que é relacionada com traição, o que deixa o leitor “revoltado” ou incomodado por causa de Denny (um cara maravilhoso todo moça sonha ter). A traição acontece, só que ela acontece de duas maneiras e com duas pessoas. E se eu for mais “fundo”, posso dizer que traiu três pessoas, porque Kiera engana a si mesma.

É um assunto complicado, mas a autora soube colocar no livro e envolver o leitor. Ela vai te envolvendo e instiga você a querer saber mais e saber como toda essa situação terminará. Percebi que a personagem Kiera ficou muito confusa e não usou o racional para pensar sobre toda a situação. Ela foi pelo sentimental. Os sentimentos dela estavam muito confusos e isso gerou todas as situações e conflitos.

rock 0

Então, vou apresentar para vocês um pouco dos personagens e da estória:

Kiera: A protagonista que está mudando de cidade e indo morar junto com o namorado. Ela largou a família, a Universidade onde ela estudava, sua vida em Ohio… tudo para morar com Denny, o seu grande amor.

Denny: Um cara super inteligente, lindo, que corre atrás dos seus sonhos e objetivos de vida. Ele ama Kiera e tem com ela uma relação muito plena, onde ele se sente muito feliz. Ele está super contente de ir trabalhar em uma grande empresa de publicidade. E no final da estória, ele mostra uma maturidade incrível! Com toda certeza é um homem que merecia ser amado totalmente.

Kellan: O roommate do casal protagonista. Ele é vocalista de uma banda de rock, os D-bags . Ele é um cara super lindo,  sexy e sensual, com um corpo másculo e forte, mas por trás dessa sensualidade toda (que atrai todas suas fãs e todas as mulheres), ele é um cara muito na dele. É simpático, extrovertido, mas tem algo do passado dele. Ele tem um mistério.

Esses três personagens são os que conduzem a estória toda. Vemos Kiera e Denny no começo do livro na expectativa de uma nova vida como casal, indo morar juntos e fazendo crescer o relacionamento bonito e harmônico que eles têm. São um casal apaixonado. E no decorrer do livro você começa a ver Kiera e Kellan se relacionando como amigos. Kiera é um pouco antissocial, mas se dá bem com as pessoas. Tem timidez e um pouco de inocência. Vemos como ela interage com os outros integrantes da banda, que acabam sendo do convivo social dela.  Vemos tudo isso acontecer e depois uma situação faz Denny ter que se afastar um pouco de Kiera e consecutivamente ela se aproxima de Kellan.

Em minha opinião, eu não acredito que possa ser considerada uma traição a primeira situação que rolou a “traição”. Tiveram várias situações dessa “1º traição” para acontecer. Você lê e percebe Kiera meio perdida, mas depois as atitudes dela… Eu entendo que ela se encontra em uma situação difícil (e eu também, no lugar dela, estaria totalmente confusa), mas depois dessa situação, concordar em trair, sabendo que isso machucaria não só o Denny mas também o Kellan… Eu entendo que a Kiera estava muito confusa com seus sentimentos, a 1º traição não foi tão grande, mas a 2º traição foi como acionar uma bomba relógio! E você percebe Kellan totalmente perdido também. A autora soube mostrar o conflito interno que existia nos personagens, Kiera e Kellan, que se sentem muito culpados. Parece que eles entraram em uma bola de neve e não sabiam como parar ela.

Você tem que ler para saber no que esse triângulo amoroso se tornou.

rock

O final do livro me mostrou que relacionamentos não são fáceis e que cada um tem sua bagagem de vida,  que o amor não resiste quando não houver a confiança. O amor é puro, lindo e verdadeiro, mas quando as pessoas não sabem administrar esse sentimento junto com a razão, ele pode ser destruidor.

A autora foi muito esperta e inteligente, porque ela amarra uma situação em outra e você fica cada vez mais presa no livro e quer saber o final, e quando chega o final do livro você para e pensa “EU PRECISO DA CONTINUAÇÃO!”.

Trilogia Rock Star 5

E você já leu o livro? Gostou?

Comente e me diz.

Beijos,

Ceci

[Resenha] Acesso aos Bastidores – Olivia Cunning

Resenha 2

 

Olá! Como vão?

Quando eu comecei a ler Acesso aos Bastidores eu meio que já sabia o que poderia encontrar na trama, mas com certeza eu fui surpreendida com as partes de sexo UAU.

Acesso-aos-batidores-1024x1486

Quando você começar a ler esse livro, lembre do que vou te dizer agora: acontece muito sexo na estória! E de vários tipos. Nada sadomasoquista, mas o sexo vai estar presente e vai ser bastante explicito! É um romance com sexo explicito. Eu estou dizendo isso, porque eu li vários comentários de pessoas que acharam que leriam um romance e ficaram “revoltadas” por ter sexo explicito. Então, passo logo essa informação para que ninguém fique chocado depois.

Myrna é uma linda professora de psicologia sexual que teve um casamento abusivo, e isso a traumatizou profundamente, fazendo com que ela tenha problemas de auto estima (principalmente como mulher em uma relação sexual). Myrna por ser uma psicologa sexual tem uma mente aberta e muito conhecimento sobre a área.

Quando Myrna estava em um hotel, dando uma palestra, ela encontra sua banda favorita no bar, os Sinners. O guitarrista da banda, o Brian Sinclair, chama a atenção de Myrna, e ela tomando de toda a sua coragem, vai ao encontro da banda. Todos prestam atenção nela, menos (claro) Brian que está bêbado de e triste de mais para sequer perceber Myrna.

O ponto alvo da estória, além desse romance, é de como relacionamentos passados podem ficar presos no nosso presente, não deixando aproveitar a vida e nem um futuro relacionamento. A nossa mente é ótima em pregar peças e podemos ver isso, varias vezes, em Myrna, na sua hesitação como pessoa e mulher.

Logo no começo da estória conhecemos todos os personagens e suas personalidades. Sedric, o vocalista cafajeste da banda. Jace, o baixista que parece ser sempre tímido, mas que não é e tem seus segredos. Eric, o segundo (ou talvez terceiro) que ficou louco pela Myrna. E para finalizar, mas não menos importante: Trey Mills, o segundo guitarrista, o cara que é um grande safado e também um grande amigo de Brian.

Os personagens da estória se relacionam bem entre si, e são bastante amigos. Amizade e safadeza você vai encontrar sempre nesse livro. Mas você também vai encontrar personagens com problemas emocionais, que tem uma amizade onde um sempre faz de tudo (a sua maneira) para ajudar o outro. São como irmãos que sempre querem proteger um ao outro para que nada de ruim aconteça a eles.

Bom, se eu gostei? Eu gostei MUITO! Tanto que eu já fui atrás dos outros livros e me viciei na série.

sinners-sldr-pnl

Se você gosta de romance com, não uma pitada, mas uma boa temperada de sexo, você vai gostar desse livro.

E você já leu? Deixe seu comentário e sua opinião se gostou ou não.

Beijos até a próxima.

Ceci

[Resenha] Bom dia, Sr. Mandela – Zelda La Grange

Resenha 2

Olá! Como vão?

Uma linda historia da vida de Nelson Mandela, de como além de influenciar seu povo, influenciou também Zelda, uma africâner. Zelda desde o começo tenta preservar a historia de Nelson Mandela e respeitar ele e sua história de vida.

mande

No começo quando comecei a ler o livro, percebi o amor de Zelda La Grange sobre Mandela e sua admiração por ele. Os primeiros capítulos do livro contam a visão de Zelda, uma africâner que acreditava no apartheid. Mostra como ela e sua família viviam naquela época e como o governo e a igreja incentivavam o apartheid na África do Sul. Mas o que mostrou mesmo é como eles tinham medo, e esse medo veio aparecer mais quando Nelson Mandela saiu da prisão e se tornou presidente.

Nada havia que indicasse que logo os próprios fundamentos de minha vida, minha ignorância, minhas crenças, meus valores estavam prestes a ser sacudidos e testados. Mal sabia eu que emergiria do paranoico casulo branco de medo e de negação e que o homem que me conduziria para fora daquilo – gentilmente segurando minha mão – seria Nelson Mandela.

O livro mostra a situação antes e depois do governo de Nelson Mandela, como ele foi um homem guerreiro, mas que não usou de violência para mostrar o seu poder. Ele usou de gentileza, sabedoria e muito trabalho para construir uma nação para todos. A trajetória de vida de Zelda com o apartheid e a vida de Nelson Mandela, que já lutava pela sua liberdade, parecem ser distantes por alguns anos, mas depois o destino uniu os dois.

Na vida, não é importante o que acontece com você, mas como você enfrenta o que acontece com você.

No passar dos capítulos percebemos como a relação de Zelda e Mandela vai se construindo, e o preconceito que foi colocada nela desde criança vai mudando, se transforma em admiração para com o Sr. Mandela, que depois virou seu Khulu (vovó).

Nelson Mandela estava mudando a visão de mundo dos sul-africanos, um por um. Incluindo meu pai.

Os primeiros anos trabalhando como datilógrafa no gabinete de Mandela, as experiências de vida e as profissionais com ele… Mostram sua sabedoria e sensatez.

Mostram as barreiras que ela derrubou e a aprendizagem que teve não só na profissão, mas na vida.

Ele derrubava minhas defesas dia a dia, quebrando meus preconceitos e as camadas de apartheid que haviam crescido sobre mim, do mesmo modo como cinzelava o calcário enquanto esteve preso na ilha Robben.

Os momentos são importantes para mostrar a vida de ambos, a felicidade que veio com o amor e a tristeza ao descobrir o câncer.

Um livro dividido em quatro partes:

1- Se não for bom, deixe morrer.

2- O começo de uma nova aurora.

3- Guardiã do homem mais famoso do mundo.

4- O que vem depois?

A vida de Mandela, sempre gentil com as pessoas, reservado com seus sentimentos, generoso e sábio.

São duas histórias de vida, que se uniram em uma só, em um livro. Um amor fraternal que cresceu entre eles com muito respeito e consideração um pelo outro. Mandela soube tomar decisões sabias e vemos isso com o decorrer da história.

coll

E para finalizar, preciso dizer que eu adorei a diagramação do livro, principalmente o final com fotos de Nelson Mandela e de Zelda La Grange. A autora nos envolve na sua vida e na vida de Mandela, transmite com muito amor aos leitores os ensinamentos pessoais e profissionais que foram passados para ela.

Se eu recomendo? Com certeza eu recomendo ler está história, porque não vai ser só Zelda que vai aprender com Sr. Nelson Mandela, você também vai aprender e irá repensar muitas coisas!

Beijos!

Ceci